sábado, 3 de abril de 2010

Comunicar o que a instituição faz é estratégico

Comunicar é mais que enviar um texto para os jornais para informar que o bazar acontece no próximo final de semana para angariar fundos para a instituição. É mais que fazer um folheto e distribuir no bairro. É mais que fazer um belo site e colocar fotos dos assistidos pela instituição.
Comunicação exige estratégia. Para comunicar, é necessário que a instituição saiba claramente suas metas a médio e longo prazo, entenda os públicos com que se relaciona - vizinhos, assistidos, doadores, imprensa, patrocinadores, apoiadores, voluntários, funcionários, fornecedores. Para isto, há profissionais qualificados no mercado e agências de comunicação. A instituição pode contar com um profissional que a auxilie como voluntário na definição da estratégia e até que a auxilie no trabalho do dia a dia, mas o ideal é que ela preveja uma verba para a sua comunicação (que envolva não só o pagamento dos produtos como também dos serviços) e possa assim agir com profissionalismo nesta área - à semelhança de grandes ONGs. nacionais e internacionais.

Um comentário:

Reflexões e Pensares disse...

Interessante os toques e as dicas
Mas acredito que como você mesmo ressaltou o importante é olhar de "morador de participante da comunidade", portanto a comunicação que se deve presar é a intra-comunidade as vezes realizar um diálogo franco e aberto dentro da comunidade é muito mais complexo e importante do que divulgar ações em veículos de comunicação de massa, contudo os toques são válidos e muito bons principalmente por que nos levam a pensar que qualquer atitude não pode se limitar ao local...